CodeBlogLogo CodeBlog

Se não fosse Alone in the Dark, Resident Evil seria um FPS de espíritos

Se não fosse Alone in the Dark, Resident Evil seria um FPS de espíritos

3802
Allain Estevam

 Em entrevista para o jornal francês Le Monde, Shinji Mikami fez algumas revelações interessantes sobre a influência de Alone in the Dark, um dos títulos precursores do gênero survival horror, na concepção e desenvolvimento de Resident Evil.


Basicamente, se não fosse o game produzido pela Infogrames em 1992, a franquia de terror da Capcom seria completamente diferente, sendo basicamente um shooter em primeira pessoa que traria fantasmas como grandes ameaças.


Com a mão nas armas


Durante o bate-papo, Mikami contou que ficou meio receoso em relação ao potencial de processamento quando a Sony anunciou o PlayStation. Por isso, ele começou a produzir um game que exigisse não mais do que a metade da potência teórica da especificação informada pela fabricante do console. A ideia era evitar que o game não pudesse ser suportado pela plataforma.


Assim, o conceito inicial de RE era de um título de tiro em primeira pessoa, pois assim ele poderia focar seus esforços apenas na criação de cenários e inimigos, além de reduzir a presença de elementos na tela. O famoso produtor disse que desenvolveu um primeiro protótipo do título como FPS, mas não gostou do resultado.


Nesse meio tempo, Mikami teve contato com o survival horror pioneiro e percebeu o que deveria mudar. "Sem ele [Alone in the Dark], Resident Evil teria sido um shooter em primeira pessoa", comentou o renomado designer de jogos.


Assombrações fantasmagóricas


Mas isso não é tudo. Ele ainda explicitou que a concepção original de Resident Evil tinha como principais inimigos espíritos mal-assombrados comuns na cultura japonesa, tendo mais para o terror psicológico. Depois de algum tempo, Mikami notou que o game precisava de mais ação e combate, então resolveu trocar a ameaça central do jogo para zumbis.


E aí, já imaginou como seria Resident Evil em primeira pessoa e você tendo que combater fantasmas? Será que a franquia teria obtido o mesmo sucesso?


FONTES Le Monde/William Audureau
IMAGENS Capcom

COMENTÁRIOS

Posts Relacionados!